Menu Fechar

Maria João Sousa

Maria João Sousa é Mestre em Ensino da Música – Canto pelo Instituto Piaget, com a classificação de 20 valores. Durante o Mestrado, estudou canto com o professor e tenor José Manuel Araújo, tendo orientação com as cantoras Ana Paula Russo e Paula Morna Dória. É licenciada em Canto pela Academia Nacional Superior de Orquestra, onde estudou com Liliana Bizineche. É igualmente licenciada em Ciências Musicais pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, onde frequentou ainda a licenciatura de Filosofia. Estudou canto na Suíça e fez vários cursos de aperfeiçoamento de voz (com Teresa Berganza, Ileana Cotrubas, entre outros), de violino e de cursos direcionados para a primeira infância (com Helena Rodrigues, Paulo Maria Rodrigues, Beth Bolton, entre outros). Na sua atividade profissional, cruzam-se recitais de música erudita e produções de ópera nas mais diversas salas de espetáculo e festivais, com leccionação de aulas de canto, passando por sessões de música para bebés e concertos como violinista. No âmbito da música contemporânea, foi solista em: Uma descoberta importante, de Tiago Derriça, em diversas escolas e no IPO (2017); Pli selon pli, de Pierre Boulez, na prova de doutoramento de Yan Mikirtumov, em Évora (2011); Hybris – ópera de Adriana Hölszky integrada na Temporada Lírica do Teatro Nacional de São Carlos – interpretou o papel protagonista, Niobe; A Terra dos Sons, para soprano e seis instrumentos do compositor Pedro Sousa, no Festival de Música Contemporânea “Peças Frescas”, no Jardim de Inverno do Teatro S. Luiz de Lisboa (2005); tem-se apresentado em recitais com o guitarrista António Ferreirinho no Centro Cultural de Belém, Palácio Marquês da Fronteira, entre outros locais, interpretando obras para guitarra e voz de compositores contemporâneos, como David Leisner, Juan Nieto, Matilde Salvador, David Adele, Eurico Carrapatoso, Lorenzo Palomo e Ernesto Cordero.

Scroll Up