Menu Fechar

Leonor Keil

Leonor Keil (Ponta Delgada, 1973) iniciou os seus estudos em Dança na Escola de Dança de Maputo (Moçambique), concluindo a sua formação na Escola de Dança do Conservatório Nacional de Lisboa. Como intérprete de Dança/Teatro, trabalhou com Joana Providência, Madalena Vitorino, Marta Lapa, João Fiadeiro, Paulo Ribeiro, Francisco Camacho, Amélia Bentes, José Wallenstein, Cláudio Hochman, John Mowat, Rafaela Santos, Giacomo Scalisi, Companhia TPO (Itália), Luis El Gris (Pogo Teatro), Francisco Campos (projecto Ruinas) e Nuno M. Cardoso (Cão Danado). Foi assistente de ensaios do coreógrafo João Fiadeiro, na obra Branco sujo, e de Paulo Ribeiro, na obra New Age, para o NDT 3 (Holanda).No cinema, destaca a sua participação em É só um minuto, de Pedro Caldas, Contra Ritmo, de João Figueiras, Pas perdu, de Saguenail, O Barão e Cinesapiens, de Edgar Pêra.No âmbito do seu trabalho com a Companhia Paulo Ribeiro, da qual é intérprete regular desde 1995, foi-lhe atribuída uma Menção Honrosa pela sua interpretação na obra Rumor de Deuses, nos V Rencontres Chorégraphiques Internationales de Seine Saint Denis, 1996, e, em 1999, foi-lhe atribuído o Prémio Revelação – José Ribeiro da Fonte, pelo Instituto Português das Artes do Espectáculo. Em 2002, foi uma das intérpretes escolhidas para participar no programa Vif du Sujet, do Festival d’Avignon, para o qual convidou o coreógrafo Javier de Frutos (solo Solitary Virgin). É, desde 2003, a responsável pelo desenvolvimento de projectos de âmbito pedagógico no Lugar Presente, em Viseu.

Scroll Up