Menu Fechar

Johannes Haase

Johannes Haase (Wolfenbüttel, 1983) é um violinista extremamente versátil que toca instrumentos antigos, modernos, eléctricos, sendo muito activo nas áreas do jazz, música improvisada e contemporânea. É conhecido pelas suas muitos entusiasmantes interpretações na área da música contemporânea, a sua criatividade no desenvolvimento de técnicas de execução e também pelo seu singular uso de pedais de efeitos.
Para além dos seus projectos a solo, Johannes toca e viaja regularmente com a Deutsche Kammerphilharmonie Bremen e a Orquestra de Câmara da Basileia. Tem colaborado com Flowin Immo, the First Church of Free Music, the Dorf, Absolute Ensemble New York, oh-ton ensemble, o mestre de sitar indiano Imran Khan, Myotis Kollektiv, MAM.manufaktur für aktuelle Musik e, mais recentemente, o duo de violino e percussão Scylla. É membro fundador do agrupamento de Colónia Kommas Ensemble. Em 2018 e 2019, Johannes colabora ainda com o Goethe Institut no Chile e na Índia.
Mestre em Improvisação livre pela Academia de Música da Basileia (Suíça), estudou com Fred Frith. Estudou também com Irvine Arditti, Ken Zuckerman, Thomas Klug, Igor Ozim e membros do Ensemble Modern, bem como com Kala Ramnath, em Bombaim, e com Ellery Eskelin em Nova Iorque.
Em 2008, venceu o John Cage Award (pela interpretação de música contemporânea) e, em 2011, foi-lhe atribuído o Klaus Huber-Sonderpreis pela Universidade de Artes de Bremen.
Johannes Haase orientou Masterclasses em Universidades na América do Sul e na Ásia, tendo sido instructor da Junge Deutsche Philharmonie.
Actualmente, ensina Improvisação na Academia da Deutsche Kammerphilharmonie Bremen. Toca um violino construído por Stephan von Baehr (Paris, 2009) e um Violectra de Dave Bruce Johnson (Birmingham, 2010).

Scroll Up