Menu Fechar

A_S 2020 [c06] ars ad hoc (II)

Sexta-feira, 4 de Setembro | 22h00
Teatro Aveirense \ Sala Principal

[ticketline]

ars ad hoc
Ricardo Carvalho <flauta>
Horácio Ferreira <clarinete>
Diogo Coelho <violino>
Leonel Andrade* <viola>
Pedro Vaz <violoncelo>
João Casimiro Almeida <piano>
Nádia Carvalho <informática musical>

*músico convidado

Programa

Luís Antunes Pena (1973) | Konvolut [2014] 11’
flauta, clarinete, violino, violoncelo, piano e electrónica

Joanna Bailie (1973) | Artificial Environment nos 1, 3 e 5 [2011/14] ca 10’
flauta, clarinete, violino, violoncelo, piano e electrónica

Luís Antunes Pena | KULT [2011] 8’
piano e electrónica

Ludwig van Beethoven | Sonata para piano Op. 111: Arietta ca 20’
piano solo

Carlos Caires (1968) | Ludwig sonate* [2020] ca 7’
Viola, violoncelo e piano

Kristine Tjøgersen (1982) | Adagio and Beethovenfest* [2020] ca 9’
flauta, clarinete, violino, violoncelo e electrónica

* estreia absoluta; encomenda da Fundação Centro Cultural de Belém para os Dias da Música 2020

Neste concerto, o agrupamento de câmara da Arte no Tempo apresenta algumas das obras programadas para a edição da bienal que teria acontecido em Maio passado (não tivesse havido uma pandemia) e junta-lhes um programa composto em torno da Sonata op. 111 de Beethoven.
Respondendo ao desafio lançado por André Cunha Leal para a criação de dois programas, por encomenda da Fundação Centro Cultural de Belém, com obras compostas a partir de música de Beethoven, a Arte no Tempo convidou Carlos Caires, Kristine Tjøgersen e João Carlos Pinto a criar novas peças a partir da sua última sonata para piano, para aquela que seria a estreia do ars ad hoc nos Dias da Música (cuja edição de 2020 foi também cancelada devido à COVID-19).
Assim, junta-se música de Luís Antunes Pena e de Joanna Bailie a Beethoven e estreias de Kristine Tjøgersen e de Carlos Caires.
[A obra de João Carlos Pinto encontra-se programada no concerto de 30 de Agosto, por conveniência logística.]

Scroll Up