Henk van Twillert

Publicado em biografias - intérpretes

Nascido em 1959, iniciou o estudo do clarinete  com a idade de 10 anos, com Henk Graaf  (Clarinete solo, da Orquestra Filarmónica de Roterdão). Três anos mais tarde começou a estudar Saxofone com Jacques Landa (saxofone barítono do “Dutch Saxophone Quartet”), no Regional Music Academie Amersfoort. Aos 15 anos tocou como solista  com o Amsterdam String Orchestra no Concerto Op. 20, de Alexander Glazounow.
Em 1978 iniciou-se na classe de saxofone de Ed Bogaard, no Sweelinck Conservatory em Amsterdão. Durante os seus estudos, participou em master-classes com Daniel Defayer (França), François Daneels (Bélgica), Iwan Roth (Suiça). Concluiu os estudos superiores de Saxofone e foi-lhe atribuído o Diploma Superior de Solista, com distinção.  
Em 1979 fundou o Quarteto de Saxofones de Amsterdão, cuja primeira apresentação pública se deu num concerto com o Quarteto de Saxofones de Alexander Glazounow,  a convite do Conservatório Real de Bruxelas. Isto conduziu a vários concertos e tournées pela Europa, incluindo numerosas visitas a Portugal.
De 1984 a 1989, tocou em várias orquestras dinamarquesas: Dutch Philarmonic Orchestra,  The Royal Concertgebouw Orchestra e o Dutch Broadcasting Orchestra. Nestas circunstâncias, trabalhou com famosos maestros, como Bernard Haitink, Luciano Berio, Kenneth Montgommery, Hans Vonk, Lucas Vis.
Desde 1993, toca com o Salzburg Chamber Soloist Quintet, com o qual já gravou um CD em “Homenagem a Astor Piazzola”, e com quem obteve o prémio “Excellence”. No ano anterior, em conjunto com o Quinteto de Cordas de Amsterdão, gravou um CD em Homenagem a Heitor Villa-Lobos, que recebeu a nomeação para o Edison Prize.  No ano seguinte, gravou cd’s (lançamentos exclusivos da Movieplay) com Emmy Verhey (Violino), uma produção com música de Gershwin, Piazolla e Villa-Lobos.
Em 2000, gravará dois cd’s com música de Piazzolla e com fados portugueses, seguindo-se uma tournée com o Amsterdam Soloist Quintet, na qual apresentará o programa gravado.
Henk Van Twillert  é professor de saxofone no Conservatório Sweelinck de Amsterdão, na Holanda, e na Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo, no Porto. Em paralelo com estas actividades, Henk Van Twillert é maestro da Orquestra Nacional de Saxofones da ESMAE, a primeira orquestra nacional de saxofones de Portugal.
De 1989 a 1998, trabalhou em conjunto com o saxofonista Fernando Valente. Esta cooperação resultou no estabelecimento e desenvolvimento de uma Cultura Musical Clássica do saxofone em Portugal. Henk Van Twillert e Fernando Valente trabalharam juntos, fazendo master-classes em Itália, Holanda e Portugal.
Henk Van Twillert trabalha também no sentido de promover o saxofone e a literatura relacionada com este instrumento, dando concertos e fazendo master-classes, juntamente com o pianista italiano Gian Maria Bonino, em Espanha e na Itália.
Henk Van Twillert toca exclusivamente saxofones Keilwerth, distribuidos por Theo Steenbeek.     

(última actualização: Dezembro de 1999)