Moniek Darge

Publicado em biografias - compositores

Godfried-MoniekMoniek Darge nasceu em Bruges, em 1952. Estudou Violino e Teoria Musical no Conservatório de Música de Bruges, Pintura na Real Academia de Belas Artes de Gent, e História da Arte, Filosofia e Antropologia na Universidade de Gent, Bélgica.
Ao nível da actividade artística, Moniek Darge tem trabalhado essencialmente como compositora, violinista e performer. É especialista em paisagens sonoras e em performances de live-art nas quais se combinam aspectos visuais e musicais. Desde 1970 tem vindo a especializar-se igualmente em improvisação no violino, e em 1994 fundou o Logos Women, um ensemble que executa improvisações inter-media para flauta, vozes, violinos e movimento corporal.
Construiu esculturas sonoras e luminosas, instalações e instrumentos musicais, e desde há largos anos tem vindo a construir uma série de caixas de música alternativas.
Tem sido convidada para inúmeras colaborações com artistas internacionais.
Em 1986, a Radio 3 (canal da Emissora Nacional Belga) transmitiu uma série de programas sobre os seus concertos e actuações em Nova Iorque, assim como outros programas sobre alguns artistas com quem colaborou na mesma cidade. Um programa semelhante foi feito sobre as suas experiências da música no Quénia e no Ruanda. Ela mesma realizou programas de rádio sobre mulheres artistas de todo o mundo.
Moniek Darge publicou diversos ensaios jornalísticos e literários, entre os quais o "Inter Media Myths, Auto-Author" (1986), uma edição sobre arte, combinando poesia, desenhos, partituras e pintura (Toronto, Art Metropole-catalogue no.12), e o livro "Lijf tegen Lijf " (Corpo contra Corpo, Kritak, Leuven, 1982). É editora geral da revista "Logos-Blad", a revista mensal da Fundação Logos, publicada desde há já dezassete anos e na qual Darge fala também das suas experiências das viagens pelo panorama musical internacional. Muitos dos seus artigos têm sido publicados em revistas estrangeiras. Para além dos seus variadíssimos concertos e actuações e da sua actividade como organizadora de manifestações culturais, Moniek Darge é Professora Assistente de História da Arte do Século XX e de Estudos de Arte Não Ocidental, na Real Academia de Belas Artes de Gent, e Professora Convidada de Etnomusicologia no Departamento de Música e Drama da Hogeschool Gent.
É a actual responsável pelas produção artística da Fundação Logos. Em 1997, obteve o título de Embaixadora Cultural da Flandres como membro do Duo Logos.


(última actualização: Dezembro de 2000)