João Rafael

Publicado em biografias - compositores

4.JoaoRafaelNascido a 15 de Março 1960 nas Caldas da Raínha, conclui em 1985 o Curso Superior de Composição no Conservatório Nacional de Lisboa, na classe do Prof. Christopher Bochmann, frequentando ainda o Curso Superior de Piano até ao 8º ano na classe da Professora Gilberta Paiva. Na Universidade frequentou o curso de Engenharia Electrónica. De 1981 a 1984, ensinou Educação Musical, Harmonia, Contraponto e Acústica, em Santarém e Lisboa. A partir de 1984 começou a frequentar os seminários de composição e análise de Emmanuel Nunes na Fundação Calouste Gulbenkian.
Prosseguiu os seus estudos de composição com Emmanuel Nunes, primeiro em Paris (1985-88, com uma bolsa de estudos da Fundação Calouste Gulbenkian) e depois em Freiburg, Alemanha, no “Institut für Neue Musik” (1988-92, com bolsas de estudos do governo Alemão - DAAD - e da Fundação Heinrich-Strobel) obtendo, em seguida, o Diploma de Composição. Em Freiburg estudou ainda música electrónica com Messias Maiguashca.
Em 1990 obteve o primeiro prémio no Concurso Internacional de Composição “Camillo Togni” em Brescia, Itália, com a peça Transition, para clarinete solo. A mesma peça foi ainda seleccionada para um CD que integra algumas das peças executadas no Festival Internacional da Radio France, “Présences 92”.
Outras peças receberam igualmente prémios em concursos internacionais de composição e foram seleccionadas para importantes festivais na Europa.
As peças Transition e Ode foram escolhidas (respectivamente em 1991 e 1995) pela RDP para representar Portugal na Tribuna Internacional de Ccompositores da UNESCO, em Paris. Em Dezembro de 1994 foi homenageado com um “Concert-Portrait” em Freiburg, pelo Ensemble Recherche sob a direcção de Kwamé Ryan. Em Junho de 1995, a Radio France dedicou-lhe um dos programas “Auto-Portrait”. Outros “Portraits” radiofónicos tiveram lugar na RDP em Fevereiro de 1991, Fevereiro de 1996 e Julho de 1998 e Março de 2002.
João Rafael tem dado regularmente Seminários de Análise, Cursos de Composição e Workshops, assim como têm sido publicados textos e análises suas nos seguintes países: Alemanha, França, Itália, Suécia, E.U.A., Rússia e Portugal.
As peças de João Rafael têm sido tocadas por intérpretes, ensembles e orquestras de renome internacional em importantes Festivais em Portugal, Espanha, França, Holanda, Suécia, Finlândia, Rússia, Hungria, Áustria, Itália, Suíça e Alemanha, e têm sido difundidas por quase todas as rádios europeias.

(última actualização: 2002)